Reflexão do Dia – Como utilizar as palavras

porEdificando Um Novo Lar

Reflexão do Dia – Como utilizar as palavras

Tens visto um homem precipitado nas suas palavras? Maior esperança há para o insensato do que para ele (Provérbios 29:20). O homem precisa ser cauteloso com o que fala em casa. Existem maridos muito precipitados em suas palavras que abrem terríveis feridas e deixam profundas marcas no coração da esposa e dos filhos. É preciso entender que a família necessita de palavras ditas no tempo certo e da forma correta. Uma mensagem pode ser perfeitamente transmitida sem gritos e berros, sem ironia e escárnio, mas com amor, respeito e consideração. Muitos maridos chegam em casa e antes mesmo de darem um beijo e um abraço na esposa, despejam-lhe duras críticas e cobranças. O motivo? O jantar não está pronto, as crianças desarrumadas, alguma coisa ainda está fora do lugar. Até o insensato tem mais esperança do que um homem como este. Ao invés de derramar pesadas palavras sobre a esposa, deveriam primeiramente procurar saber como foi o seu dia, o que ela fez, como ela está. Desta forma saberá o motivo pelo qual a casa encontra-se naquela situação. Este tipo de homem não considera o fato de que a esposa passou o dia inteiro em casa fazendo as repetitivas e cansativas atividades. Também não reconhece o esforço da esposa que saiu para trabalhar a fim de ajudá-lo no orçamento familiar. Ele exige que ela dê conta de tudo, mas não se dispõe a ajudar. Não é possível estabelecer um relacionamento saudável no casamento quando se tem um marido insensível. O casamento é uma via de mão dupla. É uma constante doação. Um ato sem interesse. À medida que se doa se recebe. O receber acontecerá de maneira natural. Homens, busquemos de Deus graça e sabedoria para que possamos cumprir com excelência a missão que recebemos de cuidar da nossa família. Ministério Edificando Um Novo Lar

Uma foto publicada por Ciro Eustáquio Lima de Paula (@ciro.depaula) em

Sobre o Autor

Edificando Um Novo Lar administrator

O Edificando Um Novo Lar atua nesta área há mais de 27 anos e tem como proposta oferecer um acompanhamento sistemático aos jovens e adultos em fase preparatória para a vida a dois.

Deixe uma resposta